terça-feira, 19 de março de 2013

Eventos corporativos querem impactar o turismo cearense em 2013


Em 2012, transações do setor  tiveram um aumento de 42% em relação ao mesmo período de 2011 

cear

Com o Ceará cada vez mais se consolidando como rota dos grandes eventos corporativos,, empresas dos setores de turismo e de eventos aguardam com grande expectativa o ano de 2013. Segundo os últimos dados da Abracorp (Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas), no primeiro semestre de 2012, as transações do setor  tiveram um aumento de 42% em relação ao mesmo período de 2011. Foram 10,3 milhões de operações em todo setor do turismo corporativo, totalizando R$ 5,4 bilhões movimentados. Os dados incluem tanto as emissões de bilhetes aéreos quanto custos com a ocupação hoteleira, a locação de veículos, entre outros serviços como eventos e cruzeiros. Com previsão de aumento de 35% no setor de eventos corporativos em relação ao ano de 2012, a gerente do setor da Casablanca Turismo, Camila Fernandes, adianta que a empresa já tem mais de 40 eventos confirmados. 

Ela destaca que a Casablanca Eventos organiza toda a logística de hospedagem, transporte dos participantes, além de realizar passeios pela cidade para os turistas corporativos interessados. “Em 2002, atendemos o primeiro evento desse segmento e no ano seguinte efetivamos a criação do departamento. Hoje, temos serviços diferenciais com toda a infraestrutura do grupo que possui filiais em São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, como as Salas Vips, o setor de marketing à disposição do cliente e o telemarketing ativo que entra em contato com expositores, visitantes e organizadores do início ao fim do evento”. 

Camila antecipa que o só em maio, no Centro de Eventos, o grupo está responsável pela organização do sistema de hospedagem de três eventos. A Feira Nacional da Indústria da Moda (Fenim Nordeste), a ser realizada de 28 a 31 de maio, o 10° Encontro de Mulheres Pague Menos que acontecerá de 23 a 26 de maio, com a expectativa de receber 12 mil participantes, e o XV Congresso da Sociedade Brasileira de Radioterapia entre os dias 29 de maio a 1° de junho. 

Para a presidente da Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc) e diretora da Oficina de Eventos, Gabrielle Nobre, o mercado de grandes e médias empresas, percebendo o crescimento do setor corporativo, vem se preparando para atender cada vez melhor o empresariado. Segundo Gabrielle, esse movimento configura-se positivamente no mercado local há alguns anos, em especial por conta do perfil turístico de Fortaleza. “Temos uma cidade com muitos atrativos, um destino turístico consolidado, o que é uma vantagem competitiva grande em alguns momentos para a escolha como destino para eventos corporativos. Quando um turista de negócios vem a nossa cidade, ele movimenta mais de 50 grupos da cadeia produtiva do setor de eventos, incrementando assim os números em hotéis, restaurantes, redes de taxis, comércio, artesanato, dentre outros”, afirma Gabrielle.

Devido à já crescente demanda registrada, a empresa mantém em seus quadros um profissional especializado em captação de eventos nacionais e internacionais e investe em treinamento e capacitação para a área corporativa. “Estamos focando principalmente em eventos esportivos que é o grande ‘boom’ do momento e estamos trocando informações e experiências com parceiros fora do nosso Estado, o que engrandece muito o nosso trabalho”, revela a sócia diretora da Oficina de Eventos.

Fonte: IN invest NE

Nenhum comentário:

Busca

Siga no Facebook